segunda-feira, julho 04, 2005

Perdido no hospital S.João









8 comentários:

Fernando Moreira disse...

conheço perfeitamente estas corredores... de fundo.

António disse...

Quem não se perde no Hospital de S. João?
A despropósito:
Comentaste um post do meu blog, mas no texto anterior...eh eh
Excesso de juventude...eh eh eh
Abraço

António disse...

Querias comentar no "O Senhor Engenheiro" ou no "Uma noite em Londres"?
Se querias no 1º, Ok.
Se querias no 2º, erraste.
Foi a isso que me referi.
Quanto à data de formatura, tudo bem.
Abraço

Nuno Vieira disse...

ok...

Pedro B disse...

Neste hospital, vivi a minha maior alegria, apanhei o maior susto.
Mas a alegria supera todos os sustos.

Nuno Vieira disse...

já todos os portuenses aqui penaram em alguma fase da vida, às vezes por eles próprios, mas também por outros e percorrer estes corredores sem alma-viva é nadar em lágrimas, umas de tristezas e as mais saborosas, as de alegrias...

abraço pedro

JOSE MANUEL CARVALHO disse...

Quando era puto ia lá muitas vezes, quanto mais um gajo se afasta menos gente vê e mais escuros os corredores ficam. Fazia-me confusão, lá em cima as macas vadiavam abandonadas pelos corredores, umas contra as outras, lotação esgotada, e eu só queria poder andar ali com o meu skate, sozinho, dono de tudo.
Gosto muito das tuas perspectivas, tens queda. Vendo algum material…

Céuzita disse...

Hospital de S.João...graças a Deus,nunca estive nesse hospital,mas mesmo ao lado...passei o melhor fim de semana da minha vida! :-)) beijinho da Céu